Vem, Série B!

Por Jonathan Silva

O Brasil bem que tentou chegar a segunda fase da Copa do Brasil, mas – embora o empenho e a garra de enfrentar um grande adversário – não foi desta vez que o rubro-negro avançou na segunda competição mais importante do país. Jogando na Arena da Baixada, o Brasil perdeu por 1 a 0 para o Atlético Paranaense e agora volta suas atenções para tão esperada Série B do Campeonato Brasileiro.

Com a bola rolando, o primeiro tempo foi de muito estudo por ambas as partes e uma disciplina tática que impediu chances de gol. A mais perigosa foi em cobrança de falta de Diogo Oliveira, aos 11, que Weverton fez uma grande defesa. Quando os times trocaram de lado e o relógio iniciou os 45 minutos finais, os torcedores Xavantes presentes no Paraná quase gritaram gol aos 2 minutos. Depois de afastar um cruzamento, a zaga do Atlético Paranaense não marcou Brock, que recebeu novo lançamento e, cara a cara, mandou uma bomba pro gol. Weverton fez o milagre da noite. No mesmo minuto, Marcos Paraná chutou com perigo e a bola passou tirando tinta da trave esquerda do Furacão.

Torcida Xavante se fez presente em Curitiba (e em qualquer lugar que o Brasil joga), e empurrou a equipe. Foto: Carlos Insaurriaga
Torcida Xavante se fez presente em Curitiba (e em qualquer lugar que o Brasil joga), e empurrou a equipe. Foto: Carlos Insaurriaga

Aos 6, Marcos Paraná ia puxando contra-ataque, foi puxado por Sidcley. A falta foi marcada, mas o segundo amarelo pro atleta paranense, e sua consequente expulsão não aconteceu. Aos 30, porém, André Lima escorou para Hernani bater colocado e fazer o gol da partida. O Brasil tentou empatar – e levar a partida para os pênaltis – aos 44, quando Marcos Paraná cobrou escanteio e Brock subiu alto para cabecear. A bola tirou tinta da trave esquerda de Weverton.

Agora, o time do técnico Rogério Zimmermann ganha uma pausa importante para a preparação visando a Série B do Brasileiro. O próximo jogo oficial do clube é contra o Paraná, provavelmente no dia 14 de maio, no estádio Bento Freitas, na estreia da segunda divisão nacional. Que venha a Série B!

Ficha técnica:

 Brasil: Eduardo Martini, Moisés (Xaro), Cirilo, Leandro Camilo, Brock, Leandro Leite, Washington, Galiardo, Diogo Oliveira (Gustavo Papa), Marcos Paraná e Nathan (Ramon). Técnico: Rogério Zimmermann.

 Atlético-PR: Weverton, Leo, Vilches, Thiago Heleno, Jadson(Hernani), Deivid, Sidcley, Pablo (Walter), Marcos Guilherme, Giovanny(Ewandro) e André Lima. Técnico: Paulo Autuori.

 Gol: Hernani 36min2T 

Cartões Amarelos: Leandro Leite, Leandro Camilo, Brock e Galiardo (B); Pablo, Sidcley, Hernani e Walter (A)