Vitória eletrizante

Por Jonathan Silva

No último jogo do primeiro turno da Série B do Brasileiro, a sina do Bento Freitas continuou: bom futebol e mais três pontos na conta rubro-negra. E o time do técnico Rogério Zimmermann precisou de apenas 19 minutos para fazer três gols e garantir a vitória diante do Avaí, na noite desta terça (2). Leandro Camilo, duas vezes, e Ramon marcaram os gols Xavantes. O resultado levou o Brasil para a quinta colocação com 30 pontos ganhos. Agora, o próximo desafio rubro-negro é apenas no dia 19 de agosto, quando, em Curitiba, enfrentará o Paraná, na primeira rodada do returno da competição.

O começo da partida foi arrasador. Já no primeiro minuto, Diogo Oliveira cruzou e Elias cabeceou, com perigo, por cima. Aos 5, Marlon cobrou escanteio e o Leandro Camilo subiu alto, muito alto, para mandar de cabeça para o fundo do gol. Aberto o placar no Bento Freitas e alegria da Maior e Mais Fiel. E o Brasil não parou, aos 15, Diogo Oliveira, o Maestro rubro-negro, acionou Ramon, que driblou o marcador e estufou as redes. Brasil 2 a 0.

Ramon marcou mais um gol e chegou a cinco na Série B. Foto: Carlos Insaurriaga
Ramon marcou mais um gol e chegou a cinco na Série B. Foto: Carlos Insaurriaga

O torcedor rubro-negro ainda se abraçava na arquibancada e não havia desfeito o sorriso aberto pelo segundo gol, quando, aos 19, Marlon cobrou escanteio baixo, a bola passou por todo mundo até chegar em Leandro Camilo, na pequena área.  Pé na bola e rede estufada. Mais um gol do Xerife artilheiro. Brasil 3 a 0.

E se não bastasse três gols em menos de vinte minutos, a história do jogo ganhou um elemento a mais. Aos 28, um pênalti foi marcado para o Avaí. William, atacante experiente, cobrou e parou na Muralha. Eduardo Martini, sensacional como sempre, se jogou no canto certo e agarrou a bola. Era a coroação de um primeiro tempo épico.

Na etapa final, Elias, aos 4, fez boa jogada e cruzou. Felipe Garcia não conseguiu alcançar a bola e fazer mais um gol. No minuto seguinte, Marlon chutou forte de fora da área e arrancou suspiros da torcida. Aos 9, Diogo Oliveira tocou para Marlon cruzar e Renan defender. Aos 20, Ramon cruzou, Elias escorou e Diogo Oliveira tentou o chute. A bola explodiu na zaga.

Clébson, aos 23, tocou para Elias, que carregou a bola e de longe mandou uma bomba. Quase um golaço do atacante. Aos 25, depois de boa jogada de Marlon, Elias tentou a conclusão, mas não teve sucesso. Aos 29, Felipe Garcia entortou a zaga e tocou para Weldinho, que passou pelo marcador como um furacão e cruzou. Ramon quase marcou de cabeça. Quando o relógio chegou aos 33, Felipe Garcia deixou a bola de calcanhar para perigoso chute de Clébson. Aos 42, no último lance de perigo, Marlon cobrou falta por cima.

Foi uma noite memorável no Bento Freitas. No término do primeiro turno da Série B, o trigésimo ponto ganho pelo time do técnico Rogério Zimmermann. Agora, um hiato de 17 dias até o próximo jogo, na abertura do returno, em Curitiba, diante do Paraná.

Ficha técnica:

Brasil: Eduardo Martini, Weldinho, Leandro Camilo, Teco, Marlon, Leandro Leite, Washington (Nem), Diogo Oliveira (Clébson), Felipe Garcia, Elias (Nathan) e Ramon. Técnico: Rogério Zimmermann. 

Avaí: Renan, Alemão, André Santos, Gabriel, Capa, Judson, Jajá, Rômulo, Diego Jardel (Menezes), Rafinha (Romarinho) e William (Tatá). Técnico: Silas.

Gols: Leandro Camilo aos 5min1T e aos 19min1T, e Ramon aos 15min1T (B).

Cartões Amarelos: Marlon (B); André Santos, Gabriel e Judson (A).

 

Brasil 3 x 0 Avaí – 19ª Rodada – Brasileiro Série B – Fotos Carlos Insaurriaga e Jonathan Silva

aIMG_1580
aIMG_1600
aIMG_1676
aIMG_1633
aIMG_1656
aIMG_1728
aIMG_5849
aIMG_5881
aIMG_7637
aIMG_7663