De volta aos trabalhos

Em meio aos 38 jogos da Série B do Brasileirão, uma semana livre para treinar é algo valioso. E o próximo compromisso Xavante é somente no sábado (24), contra o Tupi, às 18h30 no estádio Mário Helênio, em Juiz de Fora. Na tarde desta segunda-feira (19), que marcou a reapresentação do elenco após a derrota para o Criciúma, Weldinho e Cirilo concederam entrevista coletiva na sala de imprensa do Bento Freitas.

O lateral-direito destacou a importância de pensar apenas no próximo adversário: “Conseguimos sair na frente, mas infelizmente tomamos dois gols. Futebol é assim, temos uma semana para trabalhar até o jogo de sábado, que também vai ser muito difícil”.

Lateral Weldinho concedeu entrevista coletiva na tarde desta segunda (19). Foto: Carlos Insaurriaga
Lateral Weldinho concedeu entrevista coletiva na tarde desta segunda (19). Foto: Carlos Insaurriaga

Mesmo com o revés sofrido na sexta, o rubro-negro segue na terceira colocação do campeonato, com 40 pontos. Weldinho falou sobre o equilíbrio da segunda divisão nacional: “Desde o começo da Série B foi assim e vai ser até o final, os detalhes definem quem está na ponta de cima ou na ponta de baixo. Não tem partida fácil”.

Cirilo também tratou de enfatizar a necessidade do foco no confronto em terras mineiras. “Correr 45 minutos com um a menos é complicado. O fator positivo é que sabemos que podemos fazer mais, e no próximo jogo tentaremos de tudo para conquistar a vitória”.

Outro ponto abordado pelo zagueiro Xavante foi a força do grupo: “A competitividade interna é muito sadia, todos se respeitam e torcem um pelo outro. A cada treino fazemos o melhor para poder estar sempre bem quando for preciso”.

Acostumado a fazer os rubro-negros comemorarem seus gols, Cirilo não marcava desde o Gauchão de 2015. Contra o Criciúma, acertou uma bela cabeçada que não só colocou o Brasil na frente do placar como encerrou o jejum de bolas na rede. “Sempre bom fazer gol. É uma jogada que treinamos bastante. Não tinha conseguido fazer gol nesse ano, mas estamos sempre trabalhando para ajudar mais lá na frente e seguir bem na defesa”, encerrou o camisa 3.