Resultado negativo

Por Gustavo Pereira

Depois de vencer duas partidas seguidas, o Brasil não conseguiu somar pontos. Na tarde deste sábado (24), diante do Internacional, no estádio Bento Freitas, pela 10ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro, a equipe rubro-negra perdeu por 1 a 0, com a Baixada completamente lotada. O gol da partida foi marcado por Fabinho, aos 38 minutos do primeiro tempo.

Com o resultado, o Xavante fica com 14 pontos na Série B e fica em 9º lugar, a três pontos do G4. O próximo compromisso dos comandados de Rogério Zimmermann está marcado para às 19h de sábado (1º), no estádio Independência, em Belo Horizonte. O oponente da vez será o América/MG.

Logo no primeiro minuto de bola rolando, o goleiro Marcelo Pitol, que fez sua primeira partida desde que retornou ao Brasil, fez grande defesa. Aos 15, Sasha foi lançado, tocou na saída de Pitol e a bola passou perto da trave esquerda. Aos 25, D’Alessandro mandou na direção do gol, surpreendeu o camisa 1 Xavante e quase abriu o placar.

Antes do final do primeiro tempo, Marcelo Pitol apareceu outra vez aos 30 minutos. Sasha recebeu de Rodrigo Dourado e arrematou forte, por baixo, mas o goleiro defendeu com os pés. O Brasil ameaçou com 35 no relógio, quando Itaqui cobrou falta e Danilo Fernandes fez boa intervenção. Aos 38, o Internacional abriu o placar. Fabinho fez ultrapassagem pela direita, recebeu de D’Alessandro e mandou cruzado, por baixo.

Na etapa final, os visitantes quase ampliaram aos dois minutos, em cabeçada de Sasha que Teco salvou em cima da linha. A equipe rubro-negra respondeu em seguida, aos seis. Marcinho arrancou pela direita, cortou para dentro e, no momento em que invadiria a área, foi atropelado por Fabinho. Na cobrança de falta, Itaqui acertou a barreira.

Aos 12, Rogério Zimmermann trocou Nem por Juninho. No primeiro lance do atacante em campo, ele foi ao fundo e bateu cruzado, para dentro da área. Danilo Fernandes se antecipou a Lincom e deu um soco, evitando o empate. Aos 21, D’Alessandro arrematou da entrada da área e por pouco não marcou o segundo gol do adversário. O Brasil, aos 24, teve sua melhor oportunidade no jogo. Em cobrança de escanteio, Lincom cabeceou no cantinho e a bola raspou a trave esquerda de Danilo Fernandes.

Já na reta final da partida, Aloísio, que havia ingressado na vaga de Rafinha, teve duas boas aparições. Primeiro, o meia bateu falta na direção do gol e o goleiro colorado deu passos para trás antes de espalmar. Na sequência, ele arriscou de fora da área no cantinho e Danilo defendeu. O Inter, duas vezes com Marcelo Cirino e outra com Diego, quase fez o segundo gol. E o Brasil, em chute cruzado de Aloísio, por pouco não igualou o resultado.

Nos acréscimos, Pitol foi protagonista novamente ao evitar gol de Uendel. A derrota, com o apito final, põe fim à sequência de duas vitórias do Brasil. Agora, há uma semana até o importante duelo contra o América/MG.

Ficha técnica:

Brasil: Marcelo Pitol; Wender, Cirilo, Teco e Breno; Leandro Leite (Gustavo Papa), Itaqui, Marcinho, Rafinha (Aloísio) e Nem (Juninho); Lincom. Técnico: Rogério Zimmermann.

Internacional: Danilo Fernandes; Fabinho, Klaus, Danilo Silva e Uendel; Rodrigo Dourado, Edenílson, Charles (Junio) e D’Alessandro; Sasha (Diego) e Brenner (Marcelo Cirino). Técnico: Guto Ferreira.

Gol: Fabinho, aos 38min1T (I).

Cartões amarelos: Marcelo Pitol, Wender e Cirilo (B); Fabinho e Uendel (I).

Brasil 0 x 1 Internacional – 10ª Rodada – Brasileiro Série B – Fotos Carlos Insaurriaga e Jonathan Silva

aIMG_9323
aIMG_9358
aIMG_9382
aIMG_9433
aIMG_9253
aIMG_5526
aIMG_5601
aIMG_5611