No caminho da vitória

Por Gustavo Pereira

O Brasil reencontrou o rumo das vitórias na Série B do Campeonato Brasileiro! Na fria noite desta terça-feira (11), no estádio Bento Freitas, o time rubro-negro venceu o Oeste por 3 a 1, de virada, pela 13ª rodada da competição nacional. No primeiro tempo, Júlio César abriu o placar a favor dos paulistas, e João Afonso deixou tudo igual. Na etapa final, Rafinha e Marcinho selaram o triunfo Xavante.

Com o resultado, o Xavante vai a 17 pontos na Série B e ocupa, antes do final da rodada, que termina ainda nesta terça, a 11ª colocação. Não há descanso a partir de agora, visto que já nesta sexta (14) os comandados de Rogério Zimmermann recebem o Figueirense, outra vez na Baixada, às 19h15.

Rafinha marcou o segundo gol Xavante. Foto: Carlos Insaurriaga
Rafinha marcou o segundo gol Xavante. Foto: Carlos Insaurriaga

Com a bola rolando, a primeira chegada foi dos visitantes. De longe, Daniel Borges quase encobriu Marcelo Pitol, que começou como titular pelo Brasil. Bem na partida, a equipe rubro-negra ameaçou aos 10 minutos, quando Lincom arrematou de perna direita, rasteiro, mas o goleiro do Oeste encaixou. Em seguida, aos 16, Rogério Zimmermann precisou trocar Elias por Marcinho, por conta de lesão.

O jogo era equilibrado e veloz, com os dois times atacando. Aos 24 minutos, Wagner apareceu na pequena área, recebeu de Marcinho e desviou de leve. A bola triscou a trave esquerda. No minuto seguinte, os paulistas abriram o placar. Mazinho fez boa jogada e acionou Júlio César, que finalizou na saída de Marcelo Pitol: 1 a 0. O Brasil não se abalou e quase empatou no primeiro ataque, mas Marcinho e Wagner foram bloqueados quase em cima da linha.

A pressão Xavante era cada vez maior. Aos 32, Rafinha dominou na intermediária e arriscou no cantinho. Felipe Alves voou para espalmar. Só que, aos 37 minutos, não teve jeito. Marcinho fez fila pela esquerda, deixou vários marcadores na saudade e achou Rafinha na meia-lua. O camisa 10 rolou e João Afonso soltou uma bomba de primeira. No ângulo, onde a coruja dorme. Golaço! 1 a 1. Antes da ida aos vestiários, uma cabeçada de Leandro Camilo e uma pancada de Itaqui passaram muito perto.

Marcinho fechou o placar para o Brasil. Foto: Jonathan Silva
Marcinho fechou o placar para o Brasil. Foto: Jonathan Silva

Após o intervalo, nem parecia que o jogo estava parado há 15 minutos. Isso porque o Brasil seguia apertando o rival. Logo aos quatro minutos, Rafinha tabelou com Lincom e deu passe para João Afonso. O volante se projetou, avançou com a bola e concluiu na saída de Felipe Alves. A redonda ia mansamente rumo às redes depois de defesa parcial do goleiro, mas Rafinha chegou antes da zaga para conferir. Virada: 2 a 1!

Quando passou à frente no placar, o rubro-negro permaneceu com as ações dominadas. Nas chegadas do Oeste, a defesa Xavante esteve sempre atenta para afastar. E o contragolpe acabou sendo a arma fatal. Aos 28 minutos, Wagner foi acionado na direita e cruzou rasteiro. A bola passou por Lincom, mas Marcinho chegou batendo, sem perdoar: 3 a 1. Nos minutos finais, mais controle e confirmação de uma vitória fundamental para não perder de vista os primeiros colocados da Série B. Já nesta sexta (14), tem novo compromisso em casa, contra o Figueirense.

Ficha técnica:

Brasil: Marcelo Pitol; Ednei, Leandro Camilo, Evaldo e Breno; Itaqui, João Afonso, Wagner (Wender), Rafinha (Nem) e Elias (Marcinho); Lincom. Técnico: Rogério Zimmermann.

Oeste: Felipe Alves; Daniel Borges (Kauê), Joilson, Leandro Amaro e Velicka; Wilson Matias (Jheimy), Betinho e Mazinho; Danielzinho (Lídio), Gabriel Vasconcelos e Júlio César. Técnico: Roberto Cavalo.

Gols: João Afonso, aos 37min1T, Rafinha, aos 4min2T, e Marcinho, aos 28min2T (B); Júlio César, aos 26min1T (O).

Cartão amarelo: João Afonso (B).

 

Brasil 3 x 1 Oeste – 13ª Rodada – Brasileiro Série B – Fotos Carlos Insaurriaga e Jonathan Silva

aIMG_6556
aIMG_6519
aIMG_0067
aIMG_0105
aIMG_0109
aIMG_0140
aIMG_0178
aIMG_0164
aIMG_0186