Por pouco

Por Carlos Insaurriaga

Uma grande partida fez o Brasil, no Beira-Rio, diante do Internacional, nesta segunda (9), porém não conseguiu sair da capital com um resultado positivo, e foi derrotado pelo colorado por 1 a 0. Com gol sofrido nos acréscimos da primeira etapa, e no segundo tempo com um jogador a mais, a equipe comandada pelo técnico Clemer não marcou nas oportunidades e deixou Porto Alegre sem pontos.

Agora, todas as atenções Xavantes se tornam para o próximo confronto na Série B, na terça (17), às 20h30, no estádio Bento Freitas, contra o América/MG. Depois, novamente na Baixada, enfrenta o Santa Cruz no sábado (21), às 17h30.

O primeiro tempo foi marcado por uma marcação bem sucedida da equipe do Brasil, que foi quem primeiro chegou com perigo ao ataque. Aos 4 minutos, Marcinho lançou Misael na área, porém o passe foi muito forte e a bola ficou nas mãos do goleiro Danilo. A resposta do Inter veio aos 10 minutos. Pottker foi lançado, e chutou forte. Marcelo Pitol fez grande defesa. No rebote, o atacante colorado chutou na rede pelo lado de fora.

Aos 36, Marcinho avançou pela esquerda, rolou na meia lua para João Afonso, que chutou rasteiro forte, obrigando Danilo a fazer importante defesa. O Inter foi para o ataque no final da primeira etapa. Aos 45, após cobrança de escanteio, o zagueiro Cuesta ganhou no alto e cabeceou na trave de Pitol. E já nos acréscimos, aos 50, depois de uma falta ao lado da linha de fundo, Leandro Damião antecipou na primeira trave, e desviou para o gol, colocando os donos da casa na frente no final do primeiro tempo.

Calyson jogou os 90 minutos e teve participação ativa nos ataques Xavantes. Foto: Jonathan Silva
Calyson jogou os 90 minutos e teve participação ativa nos ataques Xavantes. Foto: Jonathan Silva

No segundo tempo, o Brasil buscou mais a posse de bola. E logo aos 7 minutos, o Inter ficou com um jogador a menos. Sasha acertou chute no peito de Éder Sciola e levou o cartão vermelho. Assim, o Xavante partiu para o ataque. Aos 17, Marlon arriscou chute de longe. A bola saiu pela lateral da trave de Danilo. Dois minutos depois, Sciola cruzou da direita e Lincom cabeceou para fora.

Depois, o técnico Clemer mudou a equipe. Entraram Rafinha e Juninho. E aos 27 minutos, o meia rubro-negro conduziu pela intermediária e chutou forte, Danilo fez grande defesa. Aos 31, contra ataque rápido do Inter, Pottker rolou para Cláudio Winck, que entrou na área e chutou forte na trave.

Nos minutos finais, o Brasil procurou o ataque mas o placar ficou igual. Agora, todas as atenções Xavantes se tornam para o próximo confronto na Série B, na terça (17), às 20h30, no estádio Bento Freitas, contra o América/MG. Depois, novamente na Baixada, enfrenta o Santa Cruz no sábado (21), às 17h30.

Ficha técnica:

Brasil: Marcelo Pitol; Éder Sciola, Leandro Camilo, Teco e Marlon; Leandro Leite, João Afonso (Rafinha), Calyson, Marcinho, e Misael (Juninho); Lincom (Cassiano). Técnico: Clemer.

Internacional: Danilo Fernandes; Cláudio Winck, Danilo Silva, Victor Cuesta e Uendel; Charles, Edenílson e D’Alessandro (Camilo); Sasha, William Pottker e Leandro Damião (Nico López). Técnico: Guto Ferreira.

Gol: Leandro Damião 50min1T (I).

Cartões amarelos: Marcelo Pitol, Leandro Camilo, Teco, Marlon, João Afonso, Calyson e Marcinho (B); Victor Cuesta, Edenílson e William Pottker (I).

Cartão vermelho: Sasha (I).

Internacional 1 x 0 Brasil – 29ª Rodada – Fotos Jonathan Silva

a_MG_4414
a_MG_4449
a_MG_4462
a_MG_4535
a_MG_4601
a_MG_4617