Check-in gratuito

Por Jonathan Silva

A situação do estádio Bento Freitas é pública e notória. Sua reforma obriga o clube a jogar com a capacidade reduzida. Para minimizar os prejuízos, o Brasil locou uma arquibancada móvel possibilitando que mais rubro-negros tenham a oportunidade de estar no Caldeirão vivendo esse momento especial da história vermelha e preta.

Porém, com a locação da arquibancada, o clube – que vive as dificuldades financeiras típicas de uma agremiação que prima por honrar sua tradição – precisou de alternativas financeiras para tal. Com isso, surgiu o check-in, com valores mínimos – diferentes dos cobrados por outras instituições – mas que garantem o cumprimento das obrigações financeiras do clube com a arquibancada.

Com a arquibancada móvel prestes a ser liberada para a partida contra o Ypiranga, no último dia 10, o clube manteve o planejamento habitual para as partidas: a cobrança do check-in. Porém, a não liberação e a consequente não utilização da arquibancada no último jogo, fez com o clube utilizasse os importantes recursos obtidos com o check-in – não utilizados para o pagamento da arquibancada móvel – para a quitação de débitos com os atletas rubro-negros.

Por isso, garantindo o respeito, a transparência e o compromisso com a filosofia de um clube que busca seu desenvolvimento, honrado sua torcida e tradição, a Direção Executiva do GE Brasil decidiu que o check-in para o próximo jogo no Bento Freitas, na quarta (24),  diante do Aimoré, excepcionalmente será gratuito. Embora sem a cobrança de valores, pela limitação de espaços, o check-in será obrigatório.