Obrigado, Moisés

Por Jonathan Silva

Em 2012, ano da sua primeira passagem, Moisés foi finalista da Copa Helio Dourado, que levou o Brasil a disputar pela primeira vez a Copa do Brasil. Emprestado pelo Juventude, o atleta mostrou todo potencial no time do técnico Rogério Zimmermann que logo depois o levaria para o Grêmio. Do time da capital, novamente Moisés foi emprestado ao Brasil, desta vez para a disputa do Gauchão 2016, chegando às quartas de final da competição. Depois duas passagens de bom futebol pela Baixada, Moisés se despede do rubro-negro.

A Direção do clube, Comissão Técnica, jogadores, funcionários e a Maior e Mais Fiel agradecem a dedicação com a camisa rubro-negra e desejam sucesso no decorrer da carreira do atleta Moisés.