Prêmio Bucha é rubro-negro

Por Jonathan Silva

Desde que voltou à elite do futebol gaúcho, não há uma festa dos melhores do Gauchão que o Brasil passe despercebido. Em 2016, foi a vez de levantar o Prêmio Bucha. E o responsável pela proeza foi o meia Marcos Paraná, que, na 13ª rodada do Gauchão, diante do Inter, no Beira Rio, marcou um golaço de fora da área. O gol de Paraná foi eleito o mais bonito do campeonato com 53,60% dos votos.

Último gol sofrido pelo goleiro Alisson, titular da Seleção Brasileira, no Beira Rio, a bucha de Marcos Paraná foi digna de elogios também pelo time adversário. O meia acertou um chute fantástico, de perna esquerda, no ângulo do goleiro. O gol de Paraná tinha dois outros concorrentes, ambos do Grêmio, o de Wallace e outro de Lincoln.