Voltando com mais três pontos

Por Jonathan Silva

Pela terceira vez seguida neste segundo turno, o placar se repetiu ao das rodadas iniciais da competição. Se em Pelotas, o Brasil venceu por 2 a 0, em Bragança Paulista não teve outra história: outra vitória rubro-negra por dois gols de vantagem. Ramon e Felipe Garcia marcaram os gols contra o Bragantino, na noite desta terça (30), no estádio Nabi Abi Chedid. O resultado manteve o Brasil na quinta colocação, agora com 36 pontos. O próximo desafio é no Bento Freitas, na sexta (2), às 19h15, contra o Goiás.

Ainda no primeiro tempo da partida, o time do técnico Rogério Zimmermann tratou de definir o placar. Aos 9, Weldinho recebeu passe de Diogo Oliveira e achou Ramon na área. O camisa 11 dominou, girou e cruzou para Felipe Garcia, na pequena área, empurrar para as redes de Felipe e abrir o placar. Depois, o Brasil, além de ser efetivo no ataque, foi gigante na defesa, principalmente por uma muralha chamada Eduardo Martini. Aos 24, Léo Jaime invadiu a área sozinho e Martini saiu do gol para acabar com a jogada.

Aos 28, depois da bola desviar na barreira em cobrança de falta, novamente Martini apareceu para fazer boa defesa. A resposta do Brasil veio no minuto seguinte. Elias aproveitou rebote, depois de cobrança de escanteio, e chutou por cima. Aos 33, depois de boa troca de passes, Diogo Oliveira acionou Marlon, que, de primeira e de fora da área, chutou por cima.

A torcida Xavante esteve presente em Bragança Paulista, e comemorou a vitória ao final da partida. Foto: Carlos Insaurriaga
A torcida Xavante esteve presente em Bragança Paulista, e comemorou a vitória ao final da partida. Foto: Carlos Insaurriaga

Elias, aos 37, partiu em contra-ataque, segurou a bola, tocou para Diogo Oliveira e assistiu o Maestro rubro-negro deixar todos boquiabertos com sua categoria. O camisa 10 deixou, com um passe magistral, o atacante Ramon na cara de Felipe. Ramon, com todo faro de gol que tem, tocou na saída do goleiro paulista e correu para comemorar o segundo gol Xavante no jogo.

No minuto seguinte, na última jogada de perigo da primeira etapa, Gabriel Dias desviou de cabeça, depois de cobrança de falta, e assistiu Eduardo Martini fazer uma grande defesa e mandar a bola para escanteio.

Na etapa final, mais uma vez Eduardo Martini foi gigante. Mas engana-se quem pensa que a primeira jogada de perigo foi do Bragantino. Aos 22, Weldinho cruzou para a área e a bola quase enganou Felipe. Aí sim, aos 25 e aos 34, Martini brilhou e mostrou toda segurança no gol. No primeiro lance, André Rocha cobrou falta na meia lua e parou na Muralha. No outro, Eliandro, girou na meia lua, também, chutou e viu Eduardo Martini segurar a bola com muita tranquilidade. Aos 47, em falta frontal, Clébson chutou com força e foi a vez de Felipe fazer boa defesa.

O resultado, o mesmo do primeiro turno, deixa o Brasil na quinta colocação com 36 pontos ganhos, cada vez mais próximo do grande objetivo da temporada: a permanência na Série B do Brasileirão. O próximo adversário é o Goiás, no estádio Bento Freitas, às 19h15, na sexta (2)

Ficha técnica:

Brasil: Eduardo Martini, Weldinho, Leandro Camilo, Teco, Marlon, Leandro Leite, Washington, Diogo Oliveira (Clebson), Felipe Garcia, Elias (Nem) e Ramon (Marcão). Técnico: Rogério Zimmermann.

Bragantino: Felipe, Alemão, Ednei, Cesár Gaúcho, Fabiano, André Rocha, Erick, Gabriel Dias, Rivaldo (Watson), Matheus (Jefferson Bahia) e Leo Jaime (Eliandro). Técnico: Marcelo Veiga.

Gols: Felipe Garcia, aos 9min1T, e Ramon, aos 37min1T (B).

Cartões Amarelos: Leandro Leite e Washington (B); Léo Jaime, André Rocha e Jefferson Bahia (BG).

 

Bragantino 0 x 2 Brasil – 22ª Rodada – Brasileiro Série B – Fotos Carlos Insaurriaga

aIMG_8066
aIMG_8002
aIMG_8041
aIMG_8028
aIMG_8080
aIMG_8094
aIMG_8164
aIMG_8154
aIMG_8092
aIMG_8167
aIMG_8201
aIMG_8178
aIMG_8171