Na conta do Papa

Por Gustavo Pereira

Com o brilho de todos os guerreiros e o dedo de um cara abençoado, o Brasil venceu o Ceará na noite desta terça (27). Com muita luta e o apoio total da Maior e Mais Fiel, o time do técnico Rogério Zimmermann fez 2 a 1 na equipe cearense. De pênalti, nas duas vezes, Gustavo Papa fez a alegria da torcida rubro-negra. Ao chegar no 44º ponto conquistado na competição, o time gaúcho agora enfrentará o Sampaio Corrêa, às 21h30, no estádio Bento Freitas, na terça (4).

O jogo começou a todo vapor na Baixada. Logo aos quatro minutos, Diogo Oliveira recebeu na intermediária e bateu por cima. A resposta alvinegra veio aos oito, quando Bill dominou na área e finalizou colocado, levando perigo a Martini. Em seguida, após cobrança de escanteio, Cirilo foi derrubado por Charles: pênalti. Na cobrança, aos 12, Gustavo Papa deslocou o goleiro e abriu o placar: 1 a 0!

Mal deu tempo para a Maior e Mais Fiel comemorar o gol e o filme se repetiu. Aos 15 minutos, Felipe Garcia recebeu grande lançamento de Weldinho, invadiu a área e sofreu pênalti de Douglas Marques. Como um bom centroavante, Papa chamou a responsabilidade novamente, chutou forte no mesmo canto e Éverson não conseguiu defender: 2 a 0!

O confronto era direto por uma vaga no G4 da Série B, e o Ceará mostrou porque luta na parte de cima aos 21. O centroavante Bill fez pivô na área e ajeitou para Eduardo, que arrematou sem chances para Martini: 2 a 1. A partir daí, o Xavante controlou a partida, sem sofrer sustos. Aos 33, Brock quase fez gol olímpico, e aos 46, Diogo Oliveira chutou perto do travessão cearense.

Depois da volta dos vestiários, Gustavo Papa por pouco não anotou o terceiro gol na noite. Brock cruzou rasteiro da linha de fundo e o camisa 9 concluiu para fora, raspando a trave. Aos 11 minutos, Elias disparou do campo defensivo rubro-negro e só foi parado com falta, que Diogo mandou por cima. Aos 24, o lance mais perigoso do Ceará na segunda etapa: Felipe avançou pelo meio e bateu. Desviada, a bola enganou Martini e saiu.

Na reta final do confronto, Rogério Zimmermann tirou Diogo Oliveira, Papa e Elias, colocando Marcão, Jonatas Belusso e Nathan. Tranquilo em campo, o Brasil controlava o ímpeto visitante. Aos 48, ainda deu tempo de Belusso sair na cara de Éverson e exigir boa defesa do goleiro adversário. Em seguida, Bill recebeu cruzamento e quase empatou, mas a vitória foi assegurada! Agora, o foco é na partida contra o Sampaio Corrêa, às 21h30 da próxima terça-feira (4), novamente na Baixada.

Ficha técnica:

Brasil: Eduardo Martini; Weldinho, Cirilo, Teco e Brock; Leandro Leite, Washington, Felipe Garcia, Diogo Oliveira (Marcão) e Elias (Nathan); Gustavo Papa (Jonatas Belusso). Técnico: Rogério Zimmermann.

Ceará: Éverson; Thiago Cametá, Charles, Douglas Marques e Eduardo; Baraka (Diego Felipe), Richardson, Wescley, Felipe Menezes (Felipe) e Lelê (Rafael Costa); Bill. Técnico: Sérgio Soares.

Gols: Gustavo Papa, aos 12min1T e 15min1T (B); Eduardo, aos 21min1T (C).

Cartões amarelos: Elias (B); Charles, Douglas Marques, Diego Felipe e Richardson (C).

 

Brasil 2 x 1 Ceará – 28ª Rodada – Brasileiro Série B – Fotos Carlos Insaurriaga e Jonathan Silva

aimg_9198
aimg_9214
aimg_9261
aimg_9240
aimg_9327
aimg_9308
aimg_9360
aimg_9365
aimg_1582
aimg_1687
aimg_1693
aimg_1714
aimg_1724
aimg_1774
aimg_1796
aimg_1822