Série B, até ano que vem!

Por Carlos Insaurriaga

Terminou a Série B. E que campanha do Brasil! Depois de 16 anos longe da segunda divisão nacional, o Xavante voltou e fez bonito. A despedida não poderia ser de forma melhor, na Ressacada, em Florianópolis, jogando com o Avaí – equipe que garantiu o acesso à Série A do Brasileiro do ano que vem -, o rubro-negro finalizou a competição com um empate em 1 a 1, gol marcado pelo atacante Ramon. Com este resultado, a equipe comandada pelo técnico Rogério Zimmermann ficou na 11ª posição com 54 pontos ganhos. Agora, é recarregar as baterias e se preparar para o Gauchão. Avante!

O clima da partida era de festa. A torcida do Avaí lotou a Ressacada para comemorar o acesso, e também pela ação solidária ao atleta Renanzinho. Já a torcida do Brasil viajou 700 km para celebrar a grande campanha rubro-negra. Mas dentro de campo, os jogadores Xavantes buscavam mais uma vitória.

Logo aos 3 minutos, Felipe Garcia recuperou a bola, e chutou rasteiro. A bola saiu pertinho da trave de Renan. Aos 10, grande jogada pela esquerda, Ramon recebeu na área e rolou para Felipe Garcia mandou no canto, e Renan fez grande defesa. Aos 15, contra-ataque fulminante, Diogo Oliveira lançou Nathan, que entrou na área e chutou por cima.

Torcida Xavante se fez presente em grande número, em Florianópolis. Em todos os jogos da Série B, onde o Brasil jogava, a Xavantada estava junto, em qualquer lugar do país. Foto: Jonathan Silva
Torcida Xavante se fez presente em grande número, em Florianópolis. Em todos os jogos da Série B, onde o Brasil jogava, a Xavantada estava junto, em qualquer lugar do país. Foto: Jonathan Silva

Apenas aos 19 minutos, os donos da casa conseguiram chegar ao ataque. Marquinhos cobrou falta para área, e Leandro Leite desviou de cabeça, na frente do gol, afastando o perigo.

Aos 22 minutos, Diogo Oliveira fez grande lançamento para Nathan. O atacante entrou na área e soltou a bomba. O goleiro Renan fez linda defesa. Mas o árbitro anulou, de forma errada, marcando impedimento. Aos 36, Diogo Oliveira cruzou da esquerda, e Felipe Garcia cabeceou na primeira trave, levando perigo ao gol do Avaí.

Na segunda etapa, assim como no primeiro, o Brasil partiu para o ataque. Logo aos 2 minutos, Diogo Oliveira arriscou chute de longe e Renan de novo fez grande defesa. Aos 5, Weldinho avançou na lateral direita e fez o cruzamento. O artilheiro Felipe Garcia subiu e cabeceou por cima da meta avaiana.

E a pressão deu resultado. Aos 6 minutos, Diogo achou Marlon na esquerda, o lateral avançou e cruzou rasteiro. Nathan tentou a conclusão no meio da área, mas ela acabou sobrando para Ramon, na segunda trave, só empurrar para a rede. Brasil 1 x 0.

Os donos da casa, após sofrer o gol, partiram para o ataque. E aos 18, chegaram ao empate. Em cobrança ensaiada de escanteio, Marquinhos tocou rasteiro para Diego Jardel, que chutou da meia lua. Martini defendeu, e no rebote Rômulo concluiu para a rede. Avaí empatava a partida na Ressacada.

Depois da igualdade no placar, a partida diminuiu de ritmo, e nenhuma das duas equipes teve grandes chances de gol. E assim foi até o apito final do árbitro. Com o resultado, o Brasil finalizou a Série B em 11º lugar com 54 pontos ganhos. Avante!

Ficha técnica:

Brasil: Eduardo Martini, Weldinho, Evaldo (Cirilo), Teco, Marlon, Leandro Leite, Washington, Diogo Oliveira (Marcão), Felipe Garcia, Ramon e Nathan (Gustavo Papa). Técnico Rogério Zimmermann.

Avaí: Renan, Alemão, Fábio Sanches, Capa, Luan, João Felipe (Judson), Renato, Marquinhos (Toshi), Diego Jardel e William (Rômulo). Técnico Claudinei Oliveira.

Gols: Ramon, aos 6min1T (B); Rômulo, aos 18min2T (A).

Cartões amarelos: Evaldo, Leandro Leite e Washington (B); Alemão, Fábio Sanches, Renato e Rômulo (A).

 

Avaí 1 x 1 Brasil – 38ª Rodada – Brasileiro Série B – Fotos Jonathan Silva

aimg_1754
aimg_1778
aimg_1906
aimg_1957
aimg_1956
aimg_1955
aimg_1958
aimg_1959
aimg_1960
aimg_1961
aimg_1962