Clássico com vitória

Por Gustavo Pereira

O Brasil está de volta ao G8 do Campeonato Gaúcho. No clássico da Zona Sul, disputado contra o São Paulo/RG na tarde deste domingo (5), no Bento Freitas, a equipe rubro-negra venceu por 2 a 0, com gols de Marcinho e Leandro Camilo. Com o resultado, o Xavante chegou aos sete pontos na competição. O próximo compromisso é somente daqui a dez dias, novamente na Baixada, só que contra o Grêmio, na quarta-feira (15).

Leandro Camilo fechou o placar aos 41 minutos do segundo tempo. Foto: Jonathan Silva
Leandro Camilo fechou o placar aos 41 minutos do segundo tempo. Foto: Jonathan Silva

No começo do jogo, o Brasil contou com a velocidade de Marcinho pelo lado direito para levar vantagem. Aos 11 minutos, o camisa 7 foi derrubado na área e o árbitro Roger Goulart marcou pênalti. Na cobrança, Gustavo Papa deslocou o goleiro, mas carimbou a trave. Atento, o próprio Marcinho dominou no peito, ajeitou e soltou um chute forte de perna esquerda, rasteiro, da meia-lua. Rafael Roballo não conseguiu defender: 1 a 0.

Até o fim da etapa inicial, as duas defesas prevaleceram e os times pouco criaram chances de gol. O Xavante esteve muito perto de ampliar logo na sequência do gol, quando Marlon bateu falta no alto e Roballo voou para espalmar. Em finalização para fora de Chico, o Leão do Parque também ameaçou.

De fora da área, Nem foi outro que tentou e parou no goleiro rival. Antes da ida aos vestiários, Marcinho, personagem do jogo até então, sofreu entrada forte e precisou ser substituído por Jean Silva. Justamente Jean Silva, logo após ingressar em campo, recebeu de Lenílson e concluiu forte, mas Roballo interveio novamente.

No segundo tempo, os visitantes, precisando reverter o placar, pressionaram. Em bons lances de Chico, a defesa rubro-negra precisou trabalhar. Em um dos lances, Leandro Camilo apareceu de forma vital na pequena área para afastar o perigo. Aos seis minutos, Chico apareceu de novo e arrematou por cima da meta de Eduardo Martini.

Torcida Xavante apoiou a equipe durante toda a partida, e fez a festa ao final do jogo. Foto: Carlos Insaurriaga
Torcida Xavante apoiou a equipe durante toda a partida, e fez a festa ao final do jogo. Foto: Carlos Insaurriaga

A única grande oportunidade do São Paulo veio depois de cruzamento da esquerda, que Chico ajeitou e Leomir emendou de primeira, levando muito perigo ao gol vermelho e preto. Na sequência, Rogério Zimmermann promoveu a estreia do atacante Rodrigo Silva, substituindo Gustavo Papa.

Mais tarde, já na reta final da partida, Rennan Oliveira finalizou bem duas vezes. Na primeira, o meia cobrou falta que desviou na barreira e tirou tinta da trave. Depois, ele foi acionado por Jean Silva, bateu cruzado e exigiu grande defesa de Rafael Roballo. A bola teimava em não entrar, mas aos 41 minutos a rede finalmente balançou outra vez. Após cobrança de escanteio, Leandro Camilo subiu mais alto que todo mundo, cabeceou bonito e definiu o resultado: 2 a 0. Nos acréscimos, o capitão Leandro Leite foi expulso em lance com Leandro Rodrigues. Mas o apito final garantiu: na zona de classificação do Gauchão, o Brasil tem tranquilidade para trabalhar até o dia 15, quando recebe o Grêmio.

Ficha técnica:

Brasil: Eduardo Martini; Wender, Cirilo, Leandro Camilo e Marlon; Leandro Leite, João Afonso, Marcinho (Jean Silva), Lenílson (Rennan Oliveira) e Nem; Gustavo Papa (Rodrigo Silva). Técnico: Rogério Zimmermann.

São Paulo: Rafael Roballo; Afonso, Lacerda, Cleylton e Alisson Gaúcho; Dema, Fidélis (Welder), Luanderson (Leomir), Cleiton e Cleverson (Chico); Leandro Rodrigues. Técnico: Gilson Macedo.

Gol: Marcinho, aos 14min1T, e Leandro Camilo, aos 41min2T.

Cartões amarelos: João Afonso e Wender (B); Cleylton, Dema e Leandro Rodrigues (S).

Cartão vermelho: Leandro Leite (B).

 

Brasil 2 x 0 São Paulo – 6ª Rodada – Gauchão 2017

aIMG_4635
aIMG_4669
aIMG_4672
aIMG_4580
aIMG_4690
aIMG_4724
aIMG_4715
aIMG_8443
aIMG_4718
aIMG_8586
aIMG_8598